Caminhando com Xisto é uma proposição composta por tiras de papel e fotografias, essas produzidas em parceria com a fotógrafa Alice Nin. As fotos demonstram o passo a passo da montagem de um poema/objeto. O poema, uma dupla apropriação, consiste num verso de Pedro Xisto impresso numa fita de papel que, se o leitor seguir os passos que as fotografias sugerem, forma uma fita de moebius. A montagem do objeto faz parte do seu processo de leitura, numa estratégia similar ao Caminhando, de Lygia Clark.

“andando nos seus lábios quando você me perguntou onde eu estava”

 

O verso de Xisto pode ser lido começando em qualquer lugar e não tem fim especificado, o que faz da fita de moebius um suporte ideal. As tiras de papel foram disponibilizadas em uma caixa para os visitantes da exposição pegarem, montarem, e levarem consigo.

Caminhando com Xisto

2018

Instalação

Impressão sobre papel fotográfico,

impressão sobre papel ofício, cola e caixa de plástico dimensão variável 

 © 2020 por Pedro Pessanha